Companhias aéreas orientam consumidores sobre fim do horário de verão


SÃO PAULO – A partir da zero hora do domingo do dia 26 de fevereiro, os relógios foram atrasados em uma hora. Foi o fim do horário de verão, que vigorou nos estados do Centro-Oeste, Sudeste e Sul e na Bahia desde o dia 16 de outubro de 2011.

Com uma hora a mais, os passageiros de viagens aéreas devem ficar atentos aos novos horários.

De olho nas passagens
Por conta disso, as companhias aéreas dão orientações aos passageiros com voos marcados para a data.

De acordo com a TAM, os voos operados em cidades do Norte e Nordeste terão seus horários de chegada e partida prorrogados em uma hora em relação ao horário local em vigor. As cidades são Rio Branco (AC), Maceió (AL), Macapá (AP), Manaus (AM), Fortaleza (CE), Imperatriz (MA), São Luís (MA), Belém (PA), Marabá (PA), Santarém (PA), João Pessoa (PB), Petrolina (PE), Recife (PE), Teresina (PI), Natal (RN), Porto Velho (RO), Boa Vista (RR), Aracaju (SE) e Palmas (TO).

Segundo a companhia, os bilhetes para embarque a partir de zero hora de 26 de fevereiro já foram emitidos nos horários ajustados. Os passageiros que tiverem dúvidas podem confirmar os horários de seus voos pelo site da companhia (www.tam.com.br), call center (0800 5705700), lojas da TAM ou por meio de agentes de viagem.

A Gol informou que mantém sua malha atualizada de acordo com os horários praticados em cada estado. Em nota, afirmou que as vendas de passagens já ocorrem considerando as peculiaridades de cada local, portanto, não haverá passageiros impactados com a mudança. Em caso de dúvidas, a empresa recomenda que o passageiro confirme o horário de seu voo na sua Central de Relacionamento (0300-115-2121).

Já a Azul também explicou, em nota, que os horários de seus voos para todo o Brasil não irão sofrer alteração, por conta do término do horário de verão.

Segundo a companhia, os bilhetes vendidos anteriormente para embarque a partir da zero hora do domingo foram disponibilizados com os horários ajustados para o término do horário de verão.

Fonte: Uol

Comentários